Como identificar se é ou não um PC gamer

game

Todos nós queremos levar nosso PC com jogos ao limite e confiamos que nosso processador seja aquele com melhor frequência e pouco risco de superaquecimento.

Mas, é importante identificar que tipo processador temos, qual é o Melhor PC gamer, e a potência máxima que temos na hora de jogar.

Portanto, neste artigo listaremos algumas das características que devemos considerar para levar nosso PC para jogos ao seu número máximo de quadros por segundo.

Diferencie um PC gamer de um PC normal.

Primeiro, é fundamental diferenciar um PC gamer de um computador normal, pois ao contrário do que alguns podem pensar, colocar uma placa de vídeo nele não transforma um PC normal em um gamer.

Pelo contrário, existem vários componentes que o seu PC deve ter para se tornar um gamer, feitos para games e que farão toda a diferença.

Processador 

Quando falamos em processadores precisamos entender como eles funcionam. Eles possuem três características principais que são: núcleos, threads e frequência.

Os núcleos são processadores no processador, ou seja, estão fisicamente dentro dele e distribuem tarefas entre eles. Quanto maior o número de núcleos, maior o número de tarefas que o processador pode executar ao mesmo tempo.

Threads são os ajudantes dos kernels, eles normalmente são o dobro do número de núcleos. Quando o kernel executa uma tarefa, o thread ajuda a distribuí-la com mais eficiência. O que diferencia threads de kernels é que eles não existem fisicamente, eles são apenas núcleos virtuais.

See also  The World of Warcraft Mythic Plus Carry Elevating Your Gaming Experience

E por último a frequência, que define a velocidade com que um processador executa algumas tarefas sendo medida em GHZ. Um GHZ equivale a um milhão de ciclos por segundo; quanto maior a frequência, maior a velocidade dos ciclos por segundo.

Um PC para jogos deve ter um processador entre 6 e 8 núcleos com o valor em dobro para o número de threads. Se escolhermos um processador acima deste número de núcleos, estes podem acabar desperdiçados nos jogos.

Quadros por segundo

Quando assistimos a um vídeo, filme, desenho animado ou videogame temos a sensação de movimento na tela, mas esse movimento nada mais é do que uso de imagens passando em grande velocidade, tanto que parece que estão realmente se movendo.

Quanto mais imagens forem executadas por segundo, mais suave e natural será o movimento.

É por isso que também é vital verificar se o seu PC e o seu monitor exibem os mesmo números de quadros por segundo, para que os frames do seu PC não sejam desperdiçados em uma tela que não pode exibi-los.

Placas de vídeo

No mercado atual temos atualmente apenas três marcas de placas de vídeo no mundo, com algumas variações entre elas devido à tecnologia e geração das placas.

Assim que conhecemos as possíveis placas de vídeo, devemos verificar a compatibilidade em termos de energia entre nossa fonte de alimentação. Verificando isso podemos saber se a placa de vídeo é funcional, e se pode ser alimentada por nossa fonte de energia.

Para aproveitar ao máximo os jogos e evitar gargalos, devemos saber também que se o nosso processador tem capacidade suficiente para enviar informações para a placa de vídeo e não desperdiçar percentuais de sua capacidade.

See also  Unvеiling thе Enigmatic World of Slot88: A Journеy into Onlinе Slot Gaming Excеllеncе

Memória RAM

É essencial saber quanta RAM precisamos ter em nossos PCs para jogos. Para isso é fundamental saber quais jogos vamos jogar na máquina, e que a memória esteja balanceada com o restante dos acessórios.

A quantidade de memória para jogos recomendada é de 16 gigabytes de RAM, já que os games atualmente não requerem uma porção de RAM acima deste número, embora valha a pena lembrar que se o seu PC for utilizado para outras tarefas além de jogar ele deverá ter uma memória maior.

Lembremos que memória RAM não é velocidade, não deixa seu PC mais rápido, memória RAM é a capacidade de armazenar todos os programas que você está usando em tempo real.

Assim como os acessórios mencionados acima, outros que devemos considerar para ter um PC gamer que se adapte aos nossos gostos ou necessidades são, por exemplo, as unidades de armazenamento, a placa-mãe e as fontes de alimentação que compõem o computador gamer.

Inscreva-se agora no mundo dos jogadores. Sabendo que tipo de computador você possui ou que tipo de PC para jogos deseja ter, tente utilizá-lo o máximo possível sem desperdiçar a capacidade de seus componentes.

Rate article
Add a comment